domingo, 14 de agosto de 2011

Ao meu tão querido Pai


Um dia me perguntaram: - Se você pudesse ser alguém, quem você desejaria ser?
Sem titubear eu respondi: - Desejaria ser meu pai.
Novamente veio a pergunta: - Porque você desejaria ser o seu pai?
E mais uma vez respondi rapidamente: Porque é nele que eu me baseio para
futuramente ser alguém na vida. Foi ele quem me ensinou a ser o que sou hoje
e foi ele quem me deu a educação que tenho hoje. E quando eu estiver mais velho, vou querer ser o mesmo que ele foi. Conseguir construir o meu futuro e minha família sempre com os pés no chão da mesma forma que ele construiu a nossa.

Quero poder dizer futuramente: EU ME ORGULHO DA FAMÍLIA QUE EU TENHO, EU ME ORGULHO DO PAI QUE EU TENHO, EU ME ORGULHO DA EDUCAÇÃO QUE MEU PAI ME DEU, EU ME ORGULHO DE SER O QUE SOU HOJE POR TER APRENDIDO TUDO O QUE SEI ATRAVÉS DE MEU PAI!

Pai, eu sei que posso não ser o melhor filho, sei que deixo a desejar as vezes e que
posso ser mais esforçado. Eu sei que criei expectativas na época em que estudava no
colégio e sei que relaxei após ter saido da época colegial. Também sei da capacidade
que eu tenho e posso ter e vou me esforçar mais e mais para poder conquistar meus espaços
no mercado.
Ontem, dia 13/08/2011, ouvi uma música em que um filho cantava para o seu pai (que havia
falecido) e agradecia por tudo o que seu pai tinha feito por ele e se lamentava por não
poder contar mais com seu pai ao seu lado.
Hoje eu queria te dizer que admiro muito o senhor por tudo o que fez e construiu até agora,
agradeço por ter me educado desta forma tão especial e com todo o carinho demonstrado.
Um dia vou querer ensinar para os meus filhos esta educação transmitida por você a mim aos
meus filhos, e vou ter o prazer de contar que tudo o que aprendi até hoje e o que ainda aprenderei
foi graças ao seu empenho. Ao ouvir aquela música, comecei a relembrar momentos já vividos e que
deixei de viver com você. Foram tantos momentos em que passamos juntos que tem vários momentos que
não me recordo de todos eles, mas os que eu me lembro me trazem grandes recordações de momentos
vividos com o senhor e com toda a nossa família.
A partir de hoje (14/08/2011 - dia dos pais), eu queria dizer que vou me esforçar para passar
mais tempo em conjunto com o senhor e com a nossa família, queria pedir também que se possível,
houvesse um esforço de todos nós para que passassemos mais tempos juntos como acontecia quando
era criança. Sairmos para jantar, passear num shopping, ir ao cinema ou ir às compras. Qualquer coisa que possamos
fazer para ficarmos mais unidos. Pode não parecer, mas eu sinto falta de momentos em que passavamos
todos juntos.

Pai, eu queria te dizer que te amo por tudo o que você é, queria agradecer por ter nos educado tão bem,
queria te agradecer por ter investido em mim durante todo esse tempo e por ser esse pai tão querido
e amigo que você é.


Pai!
Eu não faço questão de ser tudo
Só não quero e não vou ficar mudo
Prá falar de amor
Prá você...

Pai!
Me perdoa essa insegurança
É que eu não sou mais
Aquela criança
Que um dia morrendo de medo
Nos teus braços você fez segredo
Nos teus passos você foi mais eu...

Pai!
Você foi meu herói meu bandido
Hoje é mais
Muito mais que um amigo
Nem você nem ninguém tá sozinho
Você faz parte desse caminho
Que hoje eu sigo em paz
Pai!

FELIZ DIA DOS PAIS!
Com carinho, Victor. Te amo!

14/08/2011.


video